sexta-feira, 11 de maio de 2018

É INICIANTE NO BORDADO?

Há um certo tempo eu escrevi este post para passar como eu faço antes de começar a bordar, os jeitos de transferência do desenho para o tecido, dicas de linhas e agulhas e agora deu vontade de compartilhar de novo! É claro que sempre tem uma mexidinha no texto pra acrescentar uma coisinha! 

Antes de começar a bordar os pontinhos é preciso fazer várias etapas de preparação. Então, se liga na #dica e vamos começar! 

Selecione o tipo de tecido que será usado e o desenho a ser bordado.
Corte o tecido no tamanho do trabalho. Lembre-se de deixar uma margem de sobra se houver costura ou outro acabamento.
O ideal é passar a ferro o tecido antes de começar a cortar para que as dobras e amassados não alterem o tamanho. E também  lavar se for um tecido que encolhe.
Coloque o tecido sobre uma mesa ou superfície plana de modo que o tecido não fique enrugado. Sobre o tecido coloque o papel carbono (atenção com o lado do carbono: o lado que solta o carbono deve ficar para baixo, em contato com o tecido) e sobre o papel carbono coloque o desenho no local exato que será bordado.
Prenda as três camadas (tecido, papel carbono e o papel do desenho) com alfinetes ou fita adesiva de modo que o desenho não se mova na hora de riscar.
Acompanhe no esquema abaixo:

Esquema 1

Gosto de fazer com alfinetes, como na foto abaixo, mesmo sabendo que fica um pontinho bem pequenininho onde o alfinete furou o tecido, acho mais prático.

Foto: Pinto e Bordo

Passe o lápis de grafite mais duro (2B) por cima do desenho a ser bordado com bastante atenção para que não falte nenhuma parte do desenho. Após, retire os alfinetes e/ou fita adesiva, o papel do desenho e o papel carbono. Não recomendo passar o desenho com caneta. Mesmo tendo a camada do papel carbono e do desenho pode acontecer de a caneta perfurar e manchar o tecido.


Foto: Pinto e Bordo - tansferência do desenho para o tecido

Se for desenhar no próprio tecido use o lápis de grafite mais macio (6B) e capriche no traço. Lembre-se: a qualidade do desenho está diretamente relaciona com a beleza do trabalho! 
O desenho também pode ser feito a mão livre diretamente no tecido com uma caneta fantasma. Sua tinta desaparece com calor acima de 60 graus, então pode ser apagada depois de bordar com o calor do ferro de passar ou do secador de cabelos! É sensacional, sou fã desta caneta! 
Agora seu tecido já está pronto para ser bordado.


Foto: Pinto e Bordo - Desenho exclusivo

Escolha a agulha conforme a espessura da linha / quantidade de fios e a trama do tecido a ser perfurado. Uma linha mais grossa requer uma agulha com furo maior. Um tecido de trama bem fechada combina mais com uma agulha mais fina. Porém, esses 3 elementos (trama do tecido, agulha e linhas) podem variar bastante e vão depender do gosto e aptidão de cada pessoa.
Passada a linha na agulha, dê dois nós (um sobre o outro) em uma das pontas da linha. Este nó servirá para que a linha não atravesse completamente o tecido e escape no primeiro ponto, conforme o esquema 2.

Esquema 2

Ou também podemos usar a linha dobrada, como mostra o esquema 3. Isto quer dizer que podemos usar 1 fio de linha e dobra-lo para que o bordado fique com 2 fios. Assim como 2 fios virarão 4 para bordar e assim por diante.

Esquema 3

Tudo pronto é a hora de escolher os pontos para cada parte do desenho. Não precisa ter pontos diferentes em cada parte do bordado, nem todos os pontos iguais. Não há regra. A escolha dos pontos vai ser de acordo com o gosto pessoal. Isso vai expressar a particularidade e personalidade de cada trabalho.
A variedade de pontos costuma ser usada conforme o realismo que se quer dar ao bordado para representar o mais próximo com a realidade possível; ou também para representar padrões geométricos e abstratos. Entretanto, há algumas categorias que ajudam na escolha dos pontos e estão separados em: para contornar, para preencher os desenhos, pontos de laçada e mais muitos outros sem categoria que você pode usar conforme sua imaginação e criatividade.

Agora é mão na agulha e bons trabalhos!
Foto: Pinto e Bordo - Kit de bordado

Não esqueça de deixar seu comentário!
Ele é incentivador e motivador!

Acompanhe nas redes sociais:

quinta-feira, 10 de maio de 2018

TUDO TEM SEU TEMPO, o bordado também!


O projeto de uma Oficina Matizes Dumont que teve o começo, o re-começo e agora a retomada do re-começo! 
Plaquinhas de enrolar linha personalizada da Pinto e Bordo. 
Tema: Meninos e meninas que cuidam do planeta.


Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

quinta-feira, 3 de maio de 2018

TOALHAS DE VISITA

Conjunto de Toalhas de visita (30x45cm) bordadas com ponto cruz e acabamento em renda de guipir.

Ficou chick, ficou fina, não é mesmo? :) 


À venda na loja do Elo7: AQUI! ou direto comigo no e-mail: design.roberta@gmail.com










quarta-feira, 25 de abril de 2018

DIA DAS MÃES


Já não sabe mais o que dar de presente de Dia das Mães?
(lembrando que mãe também é aquela pessoa queridona que a gente carrega no coração! )


Então,  a gente da Pinto e Bordo te dá uma #dica de presente diferente, chamoso e literalmente cheio de vida! 

Em pareceria com a Suculindas Floripa, a Pinto e Bordo oferece uma dupla de presentes: 

plantinha            +              bordado
           (vivinha)                 (de plantinha, claro!)









Conheça um pouco mais da Suculindas Floripa:

Broutou da ideia de compartilhar no Instagram Suculindas Floripa duas paixões: fotografar as plantas e cultivar suculentas. Pra quem não conhece suculentas são plantinhas com folhas de aspecto fofinho que armazenam bastante água. Têm uma variedade imensa de cores e formas. Começamos cultivando depois acabamos colecionando, torna-se quase um vício! São fáceis de cuidar e de propargar.

Depois veio a ideia de fazer um blog para catalogar as espécies que são cultivadas - Suculindas Floripa. Está sempre sendo atualizado.

E, por fim, estamos com o site para vender as mudas excedentes e alguns arranjos - Suculindas Floripa. As vendas são feitas apenas para Floripa (apelido da cidade de Florianópoolis, em Santa Catarina), não enviamos por Correios ou transportadoras.


terça-feira, 10 de abril de 2018

PROBLEMA COM LINHAS DE MEADA

Há mais ou menos 2 meses postei lá na página do Pinto e Bordo do facebook sobre a linha preta da Anchor que estava se partindo e desfiando mesmo quando bordando com bastante cuidado. Agora em outro trabalho aparece uma emenda no meio da meada número 13 também da Anchor.

Acontece com vocês também?

Nenhum texto alternativo automático disponível.


terça-feira, 13 de março de 2018

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

ABRINDO AS PORTAS DE 2018

Nesta semana começo profissionalmente o ano de 2018.
(não que tenha parado completamento no recesso, rsrsrs)

Uma pausa para descansar o corpo e mente sempre é bom, mas confesso que não imaginava queria tão bom. Ou que eu estivesse precisando tanto!
Foi um período de DESACELERAR e diminuir o ritmo das atividades, REFLETIR sobre o ano que passou e como conduzi as atividades e CONTEMPLAR mais as coisas ao meu redor o mar, o céu e as nuvens, o canto dos pássaros, as minhas plantas, o conforto do meu lar... Tudo isso aconteceu de forma inconsciente, natural.

E o resultado desse processo é ter a intenção de passar o ano com foco nos objetivos, porém levando a vida em movimento "slow", mais devagar e curtindo mais cada parte do processo, slowfood, slowcraft...

Quem quiser acompanhar curte o facebook e segue no instagram !

E assim vou construindo meus sonhos...

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017